11 de junho de 2019
Imprensa
Empreendedores individuais ganham destaque em Juazeiro do Norte

A Administração Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação - SEDECI -, recentemente, venceu a fase estadual do Prêmio SEBRAE Prefeito Empreendedor, pela primeira vez em uma década de premiação, na categoria Compras Governamentais de Pequenos Negócios. Depois, também por meio da SEDECI, o Município foi premiado pela multinacional Microsoft e pela empresa Soluções Públicas Inteligentes - SPIN, pela aprovação do Plano Diretor de Tecnologias para Cidades Inteligentes, inserido na Lei Municipal de Inovação e aprovado, por unanimidade, em 2018, de forma pioneira no país. 
As ações do poder público municipal, que destacam Juazeiro do Norte nos cenários estadual e nacional, inspiram  à iniciativa privada e vice-versa. 
O Microempreendedor Individual, cabeleireiro, barbeiro e Presidente da Associação dos Profissionais da Beleza do Cariri, Cícero Nogueira Matos, vai ser premiado pelo Conselho Nacional dos Profissionais da Beleza. O Prêmio Evolução Brasil 2019 acontecerá, na próxima sexta-feira, 14, em Belo Horizonte - MG. Ele, que tem 25 anos de profissão, formalizou-se como MEI, em 2018, quando o número de Microempreendedores Individuais, em Juazeiro do Norte, era 8.782, mais alto do que em 2016, com 7.453.
Para o Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, "é preciso incentivar os pequenos negócios para levar a cidade a se desenvolver ainda mais, como fazia o fundador Padre Cícero. Ele, à frente do seu tempo, já tinha uma visão empreendedora."
No sentido do incentivo, Juazeiro do Norte tem três salas do Empreendedor  para facilitar a vida de quem quer abrir o próprio negócio e/ou sair da informalidade. Segundo o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Michel Araújo, um caso, inclusive, chama a atenção. "Um MEI participou de uma feira de artesanato, em Fortaleza, e agora está exportando a produção local para a Alemanha. Ele se formalizou em uma de nossas salas do Empreendedor em faculdades, iniciativa inédita no Brasil".
Outro Microempreendedor Individual de êxito é o Willy Brandt. Ele e a equipe venceram o Hackathon, no SEBRAE - Fortaleza. Embolsaram R$ 20 mil. Estudante do curso de Sistemas de Informação, Willy Brandt virou MEI porque viu vantagens: legalização das atividades, mais respaldo como pessoa jurídica, compra de mercadorias com um custo bem mais acessível se comparado à pessoa física, ou seja, maior margem de lucro, e está assegurado pelo INSS.  A empresa dele, WBT Soluções Tecnológicas, oferece serviços como desenvolvimento de software e sites e segurança eletrônica. "Nós amamos desenvolvimento e tecnologia. Ela não é gasto, é investimento", declarou o jovem.
A gestão Arnon Bezerra concorda e tem investido em Tecnologia e Inovação para desenvolver Juazeiro do Norte. "Temos, por exemplo, o Projeto de Parceria Público-Privada (PPP), estamos fomentando Startups e discutindo com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial - ABDI - para testar veículos elétricos e pontos de recarga, visando a melhoria da qualidade de vida da população, como prevê uma Cidade Inteligente", enfatizou o Secretário da SEDECI, Michel Araújo.
 

Galeria de fotos


Tópicos: